quinta-feira, 8 de junho de 2017

Concurso PC AC 2017: saiu resultado preliminar da perícia médica





Saiu o resultado preliminar da perícia médica dos candidatos que concorrerem às vagas de deficiente no concurso PC-AC, da Polícia Civil do Estado do Acre (PC-AC). Os participantes devem conferir a lista e aguardar, pois em breve o período de interposição de recursos será aberto.

Veja o resultado preliminar


Os candidatos que tiveram a inscrição deferida para concorrer às vagas deficientes tiveram seus nomes publicados no edital de resultado preliminar, junto ao seu número de inscrição.

Candidatos aguardam resultados da última fase



Os candidatos sem nome publicado foram considerados inaptos, ou porque estavam ausentes ou porque não foram considerado com deficiência, ou ainda porque essa deficiência era incompatível para o exercício do cargo no qual se inscreveu.

Caso o participante esteja apenas inapto, estará concorrendo automaticamente às vagas de ampla concorrência. O candidato pode verificar individualmente, no site do Ibade, o organizador, a razão do indeferimento.

Em breve serão divulgadas informações a respeito do período de interposições de recursos. Os candidatos aguardam, no momento, o resultado da correção das provas discursivas.

O concurso PC-AC, da Polícia Civil do Acre (PC-AC) tem oferta de 250 vagas para os cargos de delegado de Polícia Civil (18), escrivão (36), agente da Polícia Civil (176) e auxiliar de necrópsia (20). A validade da seleção é de dois anos, prorrogáveis por igual período.

Confira o resultado preliminar da Policia Civil do Acre (PCAC) - aqui!




Serviço:

Outras Informações – Aqui
  Concursos Públicos Aqui
Dicas para Concursos - Aqui

Para mais informações consulte o nosso blog.

SHARE THIS

Autor:

No RD5 Notícias maior blog de informações sobre concursos públicos, esportes, entretenimento política, tecnologia e negócios você fica por dentro das principais e últimas notícias do dia, além de assuntos relacionados ao Mundo do Brasil e da Bahia para seu conhecimento diário.

0 comentários: