quinta-feira, 31 de agosto de 2017

Concurso Polícia Federal 2017/2018: pedidos de seleção da PF têm novo avanço no MPOG



Pedidos de concurso da PF têm novo avanço no Planejamento



Os pedidos de concurso da PF para vagas em cargos policiais voltaram a registrar avanço no Ministério do Planejamento. E diferentemente das últimas vezes que as demandas progrediram, agora os avanços foram não só com relação ao cargo de agente, mas também ao de escrivão.

Para esses dois cargos, a Polícia Federal planeja a realização de concurso para 1.200 vagas, sendo 600 para cada. Ambos são voltados àqueles que possuem o ensino superior completo em qualquer área, além de carteira de habilitação, na categoria B ou superior.

As remunerações oferecidas são de R$11.897,86 já no início da carreira e incluem o auxílio-alimentação, de R$458. Embora o governo federal tenha planos de reduzir os salários de ingresso dos servidores, ainda não há informações das categorias que serão afetadas.

Com os novos avanços, a expectativa é a de que desta vez a PF consiga realizar os concursos que deseja. Embora desde 2014 o órgão possua, na teoria, autonomia para abrir seleções para cargos policiais, na prática as seleções seguem condicionadas ao aval do Planejamento quanto à disponibilidade de verba para o preenchimento das vagas.

Planos de concurso também para delegado e perito




Além de agente e escrivão, a PF também programa concurso para delegado e perito, para 491 e 67 vagas, respectivamente. Com relação a esses cargos, o último avanço do pedido no Planejamento foi em maio. Ao todo, o órgão quer oferecer 1.758 vagas.

Para ser delegado da PF é preciso ser bacharel em Direito, com três anos de experiência em atividade jurídica ou policial. Já para perito, a formação superior necessária varia conforme a área. Os dois também têm exigência de carteira de habilitação e garantem ganhos iniciais de R$22.102,37.

O cargo de agente é o que concentra a maior carência de pessoal, segundo o sindicato da categoria (Fenapef). De acordo com a entidade, faltam pelo menos 6 mil policiais. Além disso, as aposentadorias também têm se concretizado em maior número entre os agentes. As aposentadorias também preocupam os representantes dos delegados, que defendem a abertura imediata de concurso.

O último concurso para agente da PF foi realizado em 2014. Já a seleção mais recente para os demais cargos foi feita em 2012. Tradicionalmente, o Cespe/UnB (atual Cebraspe) é quem organiza os concursos da corporação.





Serviço:

Outras Informações – Aqui
  Concursos Públicos Aqui
Dicas para Concursos - Aqui

Para mais informações consulte o nosso blog.

SHARE THIS

Autor:

No RD5 Notícias maior blog de informações sobre concursos públicos, esportes, entretenimento política, tecnologia e negócios você fica por dentro das principais e últimas notícias do dia, além de assuntos relacionados ao Mundo do Brasil e da Bahia para seu conhecimento diário.

0 comentários: